O Chamado na Minha Vida

Este post é um pouco mais cumprido … honestamente não sei como me expressar em menos palavras ………….

Deus sempre me espanta quando eu vejo como Ele entra em minha vida para me dar respostas às minhas perguntas.

Quero compartilhar as últimas três respostas dEle com vocês.
1 / Como eu estou lutando para esclarecer o que eu deveria fazer agora desde que Joe foi para CASA, ontem eu peguei o meu livro “TUDO PARA ELE “escrito por Oswald Chambers, página 04 de março.

Foi intitulado: PODERIA SER VERDADEIRO DE MIM?

Atos 20:24
24 “Mas a minha vida não vale nada para mim, a não ser que eu a utilize para terminar a obra que me foi designada pelo Senhor Jesus – a obra de contar aos outros a Boa Nova sobre a maravilhosa graça de Deus”. New Living Translation ®,

Oswald Chambers escreveu:

“É mais fácil servir a Deus sem uma visão, mais fácil trabalhar para Deus sem um chamado, porque então você não está incomodado com o que Deus requer; O senso comum é seu guia, revestido, com o sentimento cristão. Você será mais próspero e bem-sucedido, mais alegre, se você nunca perceber o chamado de Deus. Mas se uma vez recebido uma comissão de Jesus Cristo, a lembrança do que Deus quer sempre virá como uma punhalada; Você não será mais capaz de trabalhar para Ele na base do senso comum. ”
2 / O devocional de 5 de março – ELE É REALMENTE MEU SENHOR?

Atos 20:24
24 “Mas a minha vida não vale nada para mim, a não ser que eu a utilize para terminar a obra que me foi designada pelo Senhor Jesus – a obra de contar aos outros a Boa Nova sobre a maravilhosa graça de Deus”. New Living Translation ®,

Oswald Chambers:
“Gozo significa o cumprimento perfeito daquilo para o qual eu fui criado e regenerado, não o sucesso de fazer uma coisa.

Se você recebeu um ministério do Senhor Jesus, você saberá que a necessidade nunca é o chamado: a necessidade é a oportunidade, Isso não implica que haja uma campanha de serviço marcada para você, mas significa que você terá de ignorar as exigências de serviço ao longo de outras linhas. ”

O que isto significa para mim?

Isso significa que a única maneira de encontrar felicidade e satisfação é continuar aprendendo mais sobre Deus, e depois compartilhar o que aprendo com os outros;

Não há nenhuma maneira específica de fazer isso. Em vez disso, em qualquer tarefa que eu trabalhe, compartilhar a alegria de Deus é a razão central que estou fazendo essa tarefa.

Escrita, Ensino. Trabalhando com crianças. Trabalhando para ganhar dinheiro. Música. Em todos os meus relacionamentos.
Escrevendo aqui no Facebook e no meu blog www.VonisView.com – Desejo compartilhar a esperança e a alegria que tenho enquanto sirvo ao Senhor.

(Uma ótima ferramenta para ajudá-lo a entender melhor isso para si mesmo é o livro ´Arte do Trabalho” por Jeff Goins)

 

3 / Domingo à noite, Deus me deu mais uma resposta.

Fomos ao batismo de uma das minhas bisnetas; uma bênção e privilégio!

O pastor ensinou sobre os efeitos que a dor pode ter em nossa caminhada com o Senhor; usando o exemplo da vida de José.

A dor pode levar-nos a questionar o que cremos que Ele nos disse; a dor pode criar raiva e amargura que nos leva totalmente fora do caminho da obediência, ou pode ser a causa de nosso crescimento mais perto de Deus como aprendemos os Seus princípios para lidar com a dor. Quando o pastor falou isso, eu percebi que a dor e tristeza causada pelo a ausência de Joe está me fazendo questionar o caminho que Deus está planejando para minha vida.

Agora, Deus está respondendo a minhas perguntas de maneiras que eu nunca antecipei.

Ele nos diz para perguntar e Ele responderá. Para procurar e encontraremos. Para bater, e Ele vai abrir a porta ~

 

AGORA, PARA A PRÓXIMA GRUPO DE PERGUNTAS?

Na sarça ardente (que nunca queimou), Deus perguntou a Moisés: “O que você tem em suas mãos?” Essa é a pergunta que tenho para mim que vou compartilhar com vocês. Situações impossíveis de resolver? Sim.

Mas Moisés tinha apenas um bastão, e ele levou milhões de pessoas para fora do Egito e no deserto por 40 anos. Eu sei que Deus me guiará!

Nota adicionada: Todas as maneiras pelas quais Deus está me respondendo geralmente estão em “uma voz ainda pequena”; Não uma resposta estrondosa do céu.

Eu tenho feito essas perguntas por semanas; Só agora meu espírito está quieto o suficiente para ouvir Suas respostas.

Estou animado para compartilhar o que Ele está me mostrando que está em minhas mãos 🙂

Com amor,

Voni Pottle

The Call in My Life

It always amazes me when I see God step into my life to give me answers to my questions.
I want to share the last three answers.

 

1/As I am struggling to clarify what I should now do since Joe has gone home, yesterday I pick up My Utmost for His Highest devotional and turned to March 4th.
It was titled: COULD THIS BE TRUE OF ME?

Acts 20:24
24 But my life is worth nothing to me unless I use it is for finishing the work assigned me by the Lord Jesus—the work of telling others the Good News about the wonderful grace of God.   
New Living Translation ®,

“It is easier to serve God without a vision, easier to work for God without a call, because then you are not bothered by what God requires; common sense is your guide, veneered over with Christian sentiment. You will be more prosperous and successful, more leisure-hearted, if you never realize the call of God.  But if once you receive a commission from Jesus Christ, the memory of what God wants will always come like a goad; you will no longer be able to work for Him on the common-sense basis.\

 

2/  Today’s devotional, March 5th –  IS HE REALLY LORD
Acts 20:24

24 But my life is worth nothing to me unless I use it for finishing the work assigned me by the Lord Jesus—the work of telling others the Good News about the wonderful grace of God.    New Living Translation ®,

Joy means the perfect fulfilment of that for which I was created and regenerated, not the successful doing of a thing. . .
If you have received a ministry from the Lord Jesus, you will know that the need is never the call: the need is the opportunity,  This does not imply that there is a campaign of service marked out for you, but it does mean that you will have to ignore the demands for service along other lines.

What does this mean for me?
It means the only way I will find happiness and fulfillment is continuing to learn more about God, then share what I learn with others; encouraging them to discover the same joy and peace He has for them.

There is no specific way I am to do this. Rather, in whatever task I work, sharing God’s joy is the central reason I am doing that task.

Writing, Teaching. Working with children. Working to earn money. Music. In all my relationships.
Writing here on Facebook and in my blog VonisView.com – I long to share the hope and joy I have as I serve the Lord.
(A great tool to help you better understand this for yourself is THE ART OF WORK by Jeff Goins)

 

3/ Tonight, God gave me another clue.
We went to the baptism of one of my great-granddaughters; a blessing and privilege!

The pastor taught on the effects that pain can have on our walk with the Lord; using the example of Joseph’s life.  Pain can cause us to question what we believe He has told us; it can create anger and bitterness which takes us totally off the path of obedience, or it can be the cause of us growing closer to God as we learn His principles for handling pain.

As he spoke, I realized the pain and sorrow of missing Joe is causing me to question the path God is laying out for my life.
Those questions He is answering in ways I never anticipated. The three I mention here are only a part of the overall answer.
He tells us to ASK and He WILL answer. To SEEK and we WILL find.  To KNOCK and He WILL open the door~

 

THE NEXT SET OF QUESTIONS I HAVE?
At the burning bush (that never burned up), God asked Moses: “What do you have in your hands?”
That is the question I have for myself which I will share with you.  Impossible situations to resolve? Yes.
But Moses had only a staff, and he led millions of people out of Egypt and in the desert for 40 years.
I know that God will lead me!

Added note:  All the ways God is answering me are usually in “a still small voice”; not a thundering answer from heaven.
I’ve been asking these questions of Him for weeks; only now is my spirit quiet enough to hear His answers.

With love,

Voni

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A New Journey Beginning

March 4, 2017 Saturday Night 8 pm. Portland, Oregon

It has been almost a month since Joe left us to go and celebrate His walk with the Lord and be with Him!

I’m becoming a little more accustomed to him not being here, but it is still strange. I miss him holding my hand, even as I am aware that it is now God holding me.  I know from experience that there is still more “letting go’ for me to do. But I’m not going to dwell on it. I will do it as it comes, day by day.

Right now, this 84 year old faces decisions I must make about where I am going to live, and what are my future goals. These questions I am constantly bringing before the Lord. Some of the answers are slowly filtering into my mind. I have six adult children, four married: so I have a council of 10 adults where I can bring my thoughts and ideas; my children can be encouraging and/or bluntly honest. I also will use a few of my trusted friends.

I will be sharing pieces of this thought process with you: some of you may remember when you’ve had the same questions and, for others, I hope this process may help you in your own future.

This journey is going to be challenging, sometimes exhausting, full of laughter and of tears. For that is life. But I do not think I will soon get to sit in that rocking chair I’ve dreamed of… but I MAY get to use my hammock in Brazil where I can stretch out and study, write and pray. It makes a fantastic temporary office!

Tomorrow I will share some quotes of Oswald Chambers from “My Utmost for His Highest” which show one of the basic foundations for my decisions.

Walk with me? This could get interesting.

 

Voni Pottle

Uma Nova Jornada

⁠⁠⁠4 de março de 2017 Sábado à noite 20:00 horas  Portland, Oregon

Já faz quase um mês que Joe nos deixou para ir celebrar a sua caminhada com o Senhor e estar com Ele!

Estou me costumando a viver sem sua presença, mas ainda está estranho. Eu me sinto a falta dele segurar minha mão, mesmo que estou sabendo que é Deus que está me segurando.  Eu sei por experiência que há muito mais que vou precisar aprender e “abrir a mão”, mas não vou estar pensando nisso, Farei dia por dia.

Neste momento eu com 84 anos, estou enfrentando decisões que devo tomar sobre onde vou morar, e quais são meus alvos para o futuro.

Essas perguntas estou constantemente trazendo perante o Senhor, algumas das respostas estão filtrando lentamente em minha mente. Eu tenho seis filhos adultos, quatro casados, então eu tenho um conselho de 10 adultos, onde posso trazer meus pensamentos e ideias. Meus filhos podem ser encorajadores e/ou francamente honestos. Eu também vou usar alguns dos meus amigos de confiança.

Eu estarei compartilhando partes deste processo de pensamento com vocês. Alguns de vocês podem se lembrar quando tiveram as mesmas perguntas, e para outros, espero que esse processo pode ajudá-los em seus próprios futuros.

Esta jornada vai ser desafiadora, às vezes cansativa, cheia de risos e de lágrimas. Pois isso é a vida. Mas acho que não vou começar a sentar-me na cadeira de balanço como eu sonhei … mas eu talvez posso começar a usar a minha rede no Brasil, onde eu possa esticar-me e estudar, escrever e orar: ela  faz um escritório temporário fantástico!

Amanhã vou compartilhar algumas citações de Oswald Chambers de “My Utmost for His Highest”( Meu Maior para o Mais Alto) que mostram uns dos fundamentos mais básicos para as minhas decisões.

Quer caminhar comigo? Isso pode ficar interessante.

 

Voni Pottle