Thinking on Paper – IMPORTANT.

As in all cities, there are the poor. I’ve been in many homes most Americans would not consider liveable. In fact, I’ve lived in some that didn’t meet the standards of many people.  In fact, I’ve lived in some homes that didn’t meet the standards of many people.
But one thing I have learned: It doesn’t matter as much what you HAVE as it matters WHO you are. Peace and joy do not come from “things” but come from what we have in our spirits.
The “good news” we have from Jesus Christ, makes far more difference in our lives.

THAT is the reason I normally spend more time in Natal and Brazil than I do in the USA. Most of the people who read this are Christians who live in the US. Each one of you are delegated by the Lord to be missionaries here…Including my adult children and grandchildren. (Most of my great-grandchildren are still too young.)

I love Brazil,,yes.    I’ve become a citizen there, yes.    But that isn’t why I live there. Rather, it is because THAT IS WHERE GOD HAS PUT ME.

For comfort? the US is definitely better. The pot holes in the streets, the unexpected speed bumps on streets where neighbors have built them (there is one particular one that if you hit it too fast your head will definitely hit the roof of the car – hard, and you may cause damage to your car  as well as yourself  ) AND many more big differences

My apartment – my “Nest” is tiny – that’s the only word for it! The 2 bedrooms are ok. the 2 bathrooms are small – no bathtubs, only showers. the kitchen is minuscule – only one in it at a time,

Dining  Table is 3 ft diameter circle (small) with 3 chairs. A small sofa, seats 2 and 2 more iron chairs for sitting… over flow of people sit on the floor – which is common.  and you would be amazed at how many we can crowd in:)

We have a small frig, small 4 burner gas stove, very limited counter space, hot water in the showers only – yes, dishes CAN get clean washed in cold water! Done it for years. (Most homes in Brazil do NOT have hot water in the kitchens.)  And we have a small balcony where you can step outside IF the hammock isn’t hanging in the way.

Did I forget something? oh – a washing machine and a dryer and a dishwasher – NONE. 
No washer and dryer and no tank to wash clothes in by hand – that presents some interesting challenges… but we do have clean clothes. You might laugh at some of the things we do, but they work 

If you want to come down and find out, you are wanted and welcome. We have two beds ( which are usually full) room for two or three single mattresses on the floor, and a hotel across the street.

Oh – one other necessary thing we have: wi-fi-
for teaching and studying and writing.
And smart phones. 
And I can’t get away from my cane and those who love me and keep a close eye on me.

I’m laughing – and getting homesick – so I’m quitting.
I hope I get to go back in January, 2019

This is called the City of the Sun..In our apartment the doors and windows are open almost 24/7. and there are miles and miles of dunes – everywhere. IF you want an unforgettable adventure, spend a day on the dunes in a dune buggy. – something one never forgets!

Our apartment is out of sight – right side of photo – about 1 inch beyond the beach, if that makes any sense. This is Ponta Negra Beach, and the dune is called Duna Careca (bald head  ) People used to climb it and slide down, That is now prohibited. Brings down too much sand.

NATAL, RN. Brazil.
Some of you have visited Joe and I here.

–  Voni

Pensamentos no papel

Como em todas as cidades, há pobres. Já estive em muitas casas que a maioria dos americanos não consideraria habitável. Aliás, já vivi em alguns que não cumprem os padrões de muitas pessoas.
Mas uma coisa eu aprendi: Não importa tanto o que você tem, o que importa é quem você é. A paz e a alegria não vem de “coisas” mas vem do que temos em nossos espíritos.
A “boa notícia” que temos de Jesus Cristo, faz muito mais diferença em nossas vidas.


Essa é a razão pela qual eu normalmente passo mais tempo em natal e Brasil do que eu passo nos EUA. A maioria das pessoas que leem isso são cristãos que vivem nos EUA. Cada um de vocês é delegado pelo Senhor para ser missionários aqui… inclusive meus filhos adultos e netos. (a maioria dos meus bisnetos ainda são muito jovens.) Kkkkkkkkkkkk

Eu amo o Brasil, sim. Já me tornei um cidadão brasileira, sim. Mas não é por isso que eu moro lá. Em vez disso, é porque é onde Deus me colocou.

Para o conforto? Os EUA é definitivamente melhor. Os buracos de panela nas ruas, a velocidade inesperada solavancos nas ruas onde os vizinhos os construíram (há um em particular que se você acertar muito rápido a sua cabeça vai definitivamente bater no teto do carro – difícil, e você pode causar dano a Seu carro ) e muitas mais grandes diferenças

Meu apartamento – o meu “Ninho” é minúsculo – essa é a única palavra para isso! OS 2 QUARTOS ESTÃO OK. os dois banheiros são pequenos – sem banheiras, só chuveiro. A cozinha é minúscula – só cabe uma pessoa nela de cada vez, sala e varanda (pequenos) com 3 CADEIRAS. Um sofá pequeno, dois lugares E MAIS 2 cadeiras de ferro para sentar… sobre o fluxo de pessoas senta no chão – que é comum.  e você ficaria maravilhada com quantos podemos torcida em 
Temos um pequeno puff, pequeno fogão de gás descartável de 4 bocas, muito limitado espaço de balcão, água quente nos chuveiros só – sim, pratos podem ficar limpos lavados em água fria! Fiz isso há anos. (a maioria das casas do Brasil não tem água quente nas cozinhas. Kkkkkkkkkkkk

Esqueci-me de alguma coisa? Oh – uma máquina de lavar e um secador e uma máquina de lavar louça – nenhuma. 
Sem máquina de lavar e secador e sem tanque para lavar roupa à mão – que apresenta alguns desafios interessantes… mas temos roupas limpas. Você pode rir de algumas das coisas que a gente faz, mas eles trabalham 
Se você quiser descer e descobrir, você é procurado e bem vindo. Temos duas camas (que geralmente estão cheias) quarto para dois ou três colchões únicos no chão, e um hotel do outro lado da rua.

Oh – uma outra coisa necessária que temos: Wi-fi –
Para ensinar e estudar e escrever.
E telefones inteligentes. 
E eu não consigo me afastar da minha cana e dos que me amam e de ficar de olho em mim.

Estou a rir – e a ficar com saudades – por isso estou a desistir.
Espero que eu consiga voltar em Janeiro, 2019

Isto chama-se a cidade do sol.. No nosso apartamento as portas e janelas estão abertas quase 24 horas por dia, e 7 dias na semana. E há milhas e milhas de dunas – em todo o lado. Se você quer uma aventura inesquecível, passe um dia nas dunas em um buggy de duna. – algo que nunca se esquece!

O nosso apartamento está fora de vista – lado direito da foto – cerca de 1 centímetros além da praia, se isso faz qualquer sentido. Esta é a praia de ponta negra, e a duna se chama Morro do Careca (cabeça careca ) as pessoas usavam para subir e deslizar para baixo, isso agora é proibido. Traz muita areia para baixo.

Natal-RN, Brasil.
Alguns de vocês visitaram o Joe e eu aqui. E como foi bom a ter vocês em casa!  Muito saudades!

–  Voni

A Reluctant Missionary

Something happened to me .

I don’t know how to explain it. . . except that it is a God-thing.

I never wanted to be a missionary … I wanted to marry a farmer.
I don’t like big cities. .. never wanted to learn another language…

I never wanted to be a pastor’s wife nor a leader of any kind.

I wanted to be available to my parents, since my brother was handicapped, and they were older.  (At some time in the future I will write more details.)

BUT – since childhood I told God I want to do His will in my life.
THAT is what He listened to. The biggest God-thing.

He opened my eyes and my heart to the needs of the globe, not to only my own country.
He made me aware that His command to “Go into all the world …” was to me;
that His challenge to me was to open my hands so He could remove what He didn’t want me to hang onto, and could place in my hands what He wanted.
Over the years, I became a “cultural marginal” – one who no longer fits into any one country. . . a pilgrim.

I’m now 86, a widow – and what He placed in my hands has not changed.
I am still a pilgrim.  He takes me to be close to my children and their families in different places.  He takes me to Brazil and other countries …
I do not have a permanent home here on earth.  Yes, there are some places I love more than others – but where I am does not depend upon my desires.  He is the one Who opens and closes the doors.

Fortunately, God’s plans for each one of us are different.  Can you imagine what it would be like if each one of us were an international pilgrim?  J

I would have no special bedrooms waiting for me! J

 

  • Voni

Uma Missionária Relutante

Algo aconteceu comigo.

Não sei como explicar . . . exceto que é algo de Deus.

Eu nunca quis ser uma missionária … Eu queria casar com um fazendeiro. Não gosto de grandes cidades … nunca quis aprender uma outra língua …

Nunca quis ser uma esposa de pastor nem qualquer tipo de   líder.

Eu queria estar disponível para os meus pais, uma vez que meu irmão  era portador de deficiência, e eles eram mais velhos.   (Em outra hora no futuro escreverei mais detalhes).

PORÉM – desde a infância eu dizia a Deus que eu quero fazer a vontade dEle na minha vida.

É ISSO que Ele ouviu. A maior coisa de Deus.

Ele abriu os meus olhos e o meu coração para as necessidades do globo, não somente para o meu próprio país.

Ele me fez consciente de que Seu comando “IDE por todo o mundo…”  era para mim;

que Seu desafio para mim era para abrir minhas mãos para que Ele pudesse remover o que Ele não queria que eu segurasse, e pudesse colocar em minhas mãos o que Ele queria.

Com o passar dos anos, eu me tornei uma “marginal cultural” – alguém que já não se encaixa em nenhum país . . . uma peregrina.

 

Estou com 86 anos agora, uma viúva – e o que Ele colocou em minhas mãos não mudou.

Ainda sou uma peregrina. Ele me leva para estar perto dos meus filhos e de suas famílias em lugares diferentes.  Ele me leva para o Brasil e outros países …

Eu não tenho um lar permanente aqui na terra.  Sim, há alguns lugares que amo mais que outros, mas onde estou não depende dos meus desejos.   Ele é quem abre e fecha as portas.

Felizmente, os planos de Deus para cada um de nós são diferentes.  Vocês podem imaginar como seria se cada um de nós fôssemos peregrinos internacionais?

Eu não teria quartos especiais esperando por mim!

 

–              Voni