UMA FERRAMENTA QUE VENCE…

Estou compartilhando aqui uma ferramenta que me ajuda a focar de modo que eu não seja consumida de raiva pelo que eu vejo ou ouço.

Olhando para trás na minha vida eu vejo momentos que impactaram minha maneira de pensar. Aprendendo sobre essa ferramenta e como usá-la foi um momento que impactou a minha vida profundamente.
Vamos ver o que você acha desta lição?

1968 no Brasil.

Um amigo de muitos anos voltou-se contra meu esposo.  Não só isso; ele estava tentando levantar outros contra meu marido.  Fiquei furiosa com a traição daquele homem!

Desde a hora que eu acordava até a noite quando eu caia na cama, minhas mãos estavam ocupadas cuidando dos meus filhos e de casa, mas minha mente estava ocupada pensando nas coisas que tinham acontecido, vendo-as de uma perspectiva diferente da que eu tinha tida anteriormente, tornando-me cada dia mais irada.

Comecei a estar ciente do que estava acontecendo.  A raiva estava começando a me consumir.  Não gostava, mas não fazia ideia de como mudar os meus padrões de pensamentos. Quanto mais tentava não pensar na traição, mais a minha mente residia sobre ela.

Um dia enquanto estava lendo minha Bíblia, um versículo que, por várias vezes antes eu tinha visto de relance, de repente me chamou a atenção. Ele se destacou como uma placa de outdoor com luzes piscando.  Não poderia perdê-lo desta vez.
Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for amável, tudo o que for de boa amor, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.” Filipenses 4:8 NVI

Agarrei esta ideia!

“Será que isto vai funcionar?  Já que Paulo escreveu, vale a pena tentar! “

Eu comecei.  Naquele primeiro dia, foi difícil!

Alguns pensamentos (e eu tive muitos) viriam à minha mente em referência à TRAIÇÃO. (Esta é a ênfase que minha mente estava dando à situação.)

Eu começo a pensar as coisas de dia por dia e, de repente, me pego ficando irada de novo!
“Aiiiii não!  Tenho que voltar minha mente para algo verdadeiro, ou honrado, ou certo, e puro, ou adorável e admirável …ou digno de louvor.

Comecei a procurar um pensamento para encaixar uma dessas categorias.  Conscientemente virei-me para esta lista, encontrei algo, pensei sobre isso – e me senti bem por alguns minutos.  Depois, outro pensamento de traição veio a galope, a ultrapassar e a encher a minha mente de raiva.

Durante todo o dia foi uma Guerra: entre a raiva rugindo e eu deliberadamente transformando meu foco para o verdadeiro, honroso, certo, puro, adorável e admirável No entanto, tive vitorias suficientes para continuar no dia seguinte e no próximo dia e continuando . . .
Em 7 à 10 dias, quando entrou um pensamento como “Aquele Homem”, fiquei surpresa. Não estava zangada. Na verdade, as minhas emoções eram de tristeza para ele, e eu fui capaz de começar a orar por ele.

 

Paulo sabia bem o que estava escrevendo; algo que podia mudar as nossas vidas.
Quando livrarmos da mente o que está errado, e virar os nossos pensamentos para esta lista que Paulo nos deu, é absolutamente incrível o quanto mais claramente pensamos, e até sabemos como agir numa situação de uma forma melhor.
Alguma coisa já aconteceu contigo que a sua mente tenha ficado consumida pela raiva? Não é agradável, né?

Lembra-se, esta é uma ferramenta que Deus nos deu para usar. Isto não é viver em negação da realidade; pelo contrário, é uma forma de superar as nossas emoções, para que possamos orar e fazer uma batalha spiritual contra o mal.
Diz-me quando você encontrar com ira se esta ajudá-lo, ok?  Deixe um recado em baixo?  Te agradeço.

Abraços e coragem nestas lutas da vida!

  • Voni

 

 

Voni's View

14317418 1465694756790426 2671920099961713748 n %281%29
We won't send you spam. Unsubscribe at any time. Powered by ConvertKit

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.